Fuba é Low Carb ? Veja Se Pode Comer Fuba Na Dieta

A farinha de milho ou o tradicional Fubá é feito a partir da moagem do grão de milho, tendo diversas aplicações na culinária Brasileira. O famoso bolo de fubá e a polenta são os dois protagonistas. As propriedades da farinha de milho são praticamente as mesmas que o grão de milho em si, então trata-se de um cereal muito natural e que traz inúmeros benefícios para quem o acrescenta na dieta.

Você pode encontrar receitas low carb com fuba no nosso livro aqui.

O milho antioxidante e possui propriedades extremamente importantes para a visão, intestino e sistema imunológico. Como trata-se de um alimento naturalmente rico em fibras prolonga a saciedade e tem uma propriedade com que faz que o corpo reponha naturalmente os minerais.

Vitaminas como cobre, fibras, fósforo, magnésio, potássio e várias outras vitaminas são encontradas em pequenas porções do grão. Como o milho possui propriedades antioxidantes ajuda na proteção dos olhos contra as exposições excessivas a lua, protegendo a parte interna da retina.

Além de possuir ômega 3 que faz bem para a saúde do coração, ainda com a quantidade acentuada de fibras protege o intestino de vírus e bactérias prejudiciais ao organismo. Sua alta taxa de Vitamina B ajuda na regulação e liberação correta da insulina no sangue ajudando principalmente os diabéticos ou aqueles que precisam controlar a taxa do açúcar no sangue.

O milho é um carboidrato complexo, e por isso é uma fonte muito boa de energia. Ideal para ser consumido antes de uma corrida ou um treino intenso por exemplo. A sua absorção é feita de maneira lenta e gradativa não causando picos de insulina no sangue.

A farinha de milho é Low Carb?

Como o milho é um cereal muito rico em diversas fibras, anti oxidantes, propriedades extremamente importantes para o funcionamento correto do organismo como um todo ele se torna um alimento importante nas dietas apesar da grande quantidade de carboidratos. O fubá pode ser sim considerada uma farinha Low Carb, porém, pela quantidade de carboidratos necessita ser usada com moderação.

Uma boa ideia é consumi-la pela parte da manhã se possível, onde nessa refeição ela trará mais energia para enfrentar o dia, ou, até antes do treino para que haja maior gasto de calorias.

Aqui estão algumas receitas em que a farinha de milho pode ser acrescentada sem culpa e ainda assim, usufruindo de todos os benefícios que o cereal traz:

Receita de bolo de fubá com Linhaça

Ingredientes:

  • 2 xícaras de farinha de milho;
  • 4 colheres de sopa de farinha de linhaça dourada;
  • 1 xícara de chá de açúcar de coco;
  • 3 ovos;
  • 4 colheres de sopa de óleo de coco;
  • 1 xícara de leite de coco;
  • 1 colher de sopa de fermento em pó

Modo de preparo:

Todos os ingredientes são processados no liquidificador ou batedeira com exceção do fermento. Depois de formar uma massa homogênea o fermento é acrescentado aos poucos com uma colher mexendo vagarosa e delicadamente. É preciso que a assadeira esteja untada com manteiga e farinha para que o bolo não grude no fundo. O bolo leva cerca de 40 minutos para ficar pronto e é assado em forno com temperatura de 180 graus. O ideal é que ele seja consumido morno, porém fora da geladeira pode durar até 4 dias.

Uma fatia desse bolo já caracteriza um ótimo lanche da tarde ou café da manhã, acompanhado de qualquer bebida sem açúcar.

Polenta Cremosa Low Carb

Ingredientes:

  • 4 colheres de fubá;
  • 150 ml de água pra misturar no fubá;
  • 400ml de água quente;
  • 1 cebola pequena;
  • 2 tomates;
  • 150g de frango desfiado;

Modo de fazer:

Coloque em uma panela os 400 ml de água e deixe ferver. Em um outro recipiente coloque os 150 ml de água e misture com as 4 colheres de fubá, misture fazendo com que essa se torne uma mistura lisa e homogênea. Quando a água da panela estiver fervendo pode adicionar essa mistura a ela. Com a junção do Fubá a mistura irá engrossar, você precisará mexer por aproximadamente uns 5 minutos para que a farinha de milho cozinhe nesse momento.

A cebola, o tomate e o frango desfiado são ingredientes para o molho. Esses são alguns dos vários ingredientes que podem ser inclusos em um molho de polenta Low Carb. Se, o seu gosto for por carne de gado por exemplo, a carne moída pode ser uma boa substituição ou apenas requeijão com algum tipo de queijo. O ideal é consumir essa farinha com moderação e sempre junto com alimentos também permitidos na Low Carb.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *