Dieta Low Carb Para Diabeticos Tipo 2

Atualmente a diabetes atinge cerca de 400 milhões de pessoas em todo o mundo, sendo considerada uma doença crônica que atingiu proporções epidêmicas, e embora seja uma doença complicada, uma maneira de reduzir bastante o risco de complicações é controlando muito bem os níveis de açúcar no sangue, e de acordo com pesquisas, uma das melhores maneiras de se fazer isso, é seguindo uma dieta pobre em carboidratos.

Uma dieta low carb para diabéticos tipo 2 é uma ótima opção porque as pessoas que sofrem com essa doença crônica são resistentes aos efeitos da insulina ou resistentes a ela, e quando consomem carboidratos, os níveis de açúcar no sangue podem subir o que é algo muito perigoso.

Dieta low carb e diabetes tipo 2

Muitos estudos apoiam que a dieta low carb para diabéticos tipo 2 é uma ótima opção. De fato, antes da descoberta da insulina em 1921 as dietas com muito pouco carboidrato eram consideradas o tratamento padrão para quem sofria com essa doença crônica.

Além disso, esses tipos de dietas também funcionam bem para diabéticos tipo 2 a longo prazo. Em um estudo realizado na Suécia pelo Departamento de Medicina, diabéticos tipo 2 que seguiram uma dieta low carb por 6 meses tiveram seu diabetes bem controlado por mais de três anos seguido.

Já as pessoas com diabetes tipo 1 que seguiram a dieta low carb tiveram uma melhora significativa nos níveis de açúcar no sangue durante um período de 4 anos.  Ou seja, essa pesquisa mostrou que as pessoas com diabetes experimentam melhorias a longo prazo no controle de açúcar no sangue quando seguem uma dieta pobre em carboidratos.

Ingestão ideal de carboidratos para diabéticos

A ingestão ideal de carboidratos para diabéticos é um assunto bastante controverso até mesmo entre quem apoia a restrição de carboidratos.

Vários estudos descobriram melhorias drásticas no peso, níveis de açúcar no sangue entre outros aspectos quando o consumo de carboidrato era restrito a 20 gramas por dia. Porém, outras pesquisas mostraram que restrições mais moderadas, como 70 a 90 gramas de carboidratos totais, ou 20% das calorias consumidas de carboidratos também são eficazes.

A quantidade ideal de consumo deste nutriente também pode variar de acordo com cada pessoa, pois cada uma responde de uma maneira. Segundo a ADA – American Diabetes Association (Associação Americana de Diabetes), não há uma única dieta que funcione para todas as pessoas com diabetes, sendo assim, a melhor opção são sempre as personalizadas, que levam em consideração a saúde, preferências alimentares e objetivos metabólicos de cada pessoa.  Essa associação também recomenda que cada pessoa fale com o seu médico para poder determinar a ingestão de carboidratos ideal já que tudo irá depender da sua tolerância pessoal.

O importante é ter em mente que a regra geral é que quanto menos carboidrato você consome, menos seus níveis de açúcar no sangue irão aumentar, e, em vez de eliminar totalmente os carboidratos da sua alimentação, uma dieta low carb para diabéticos bem como para qualquer outra pessoa, deve incluir fontes de carboidratos densos em nutrientes e ricos em fibras, como castanhas, legumes, sementes e fibras.

Isso é eficaz ?

Como você pode ver, estudos mostraram que dietas onde há um baixo consumo de carboidratos podem gerenciar efetivamente tanto o diabetes tipo 2 como o tipo 1, além de poder melhorar o controle do açúcar no sangue, reduzir o risco de complicações e as necessidades de medicamentos.

Porém é muito importante que você converse com o seu médico antes de fazer alterações em sua dieta, já que poderá ser necessário ajustar as doses dos seus medicamentos.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *