Damasco é Low Carb ? Veja Se Pode Comer Damasco Na Dieta

O damasco é uma fruta parecida com o pêssego que tem origem no oriente médio e tipicamente usado na culinária árabe em pratos doces ou salgados. Essa fruta não é muito produzida no Brasil pois as regiões que conseguem se adequar ao clima são poucas sendo que algumas ficam no Rio Grande do Sul e outras nas regiões onde o clima é mais frio em Minas Gerais.

Pelo fato de não ter muitos lugares que o produzem no Brasil a opção mais viável passa a ser por sua forma seca ou desidratada. Não existe muita diferença entre essas duas opções pois a maioria das vitaminas e minerais da fruta continuam sendo mantidos na versão desidratada.

A fruta damasco tem uma desvantagem sobre a desidratada que é o fato de durar menos, uma fruta dura cerca de três a cinco dias na geladeira, no máximo. Já, se tratando da fruta seca quando conservada sob refrigeração pode durar muito mais, e por isso constitui uma boa opção. No processo de desidratação o damasco perde também muita água e por isso quem o consome nessa versão precisa ingerir um volume maior de água no dia a dia.

Benefícios de incluir o Damasco na alimentação:

 Graças ao antioxidantes presentes no damasco a saúde dos olhos está garantido para que o consome, isso porque ele ajuda na saúde da retina. No decorrer dos anos a retina fica mais frágil e se degenera por conta dos danos causados por fatores externos e pela idade. O consumo regular de damasco ajuda fortalecendo os nervos ópticos e ajudando para que essa degeneração não aconteça com tanto intensidade.

Os antioxidantes também são responsáveis por fazer uma faxina dentro do organismo eliminando tudo aquilo que é ruim e está atrapalhando a saúde. Funciona ainda, para que as células intensifiquem seu poder de multiplicação e formem cada vez mais novas células, e com isso células defeituosas como cancerígenas por exemplo podem tanto parar de se multiplicar ou mesmo extinguir-se.

O fator de multiplicação celular e criação de novas células ainda possibilita uma maior saúde da pele. A pele fica com aspecto mais jovem e bonito por que os antioxidantes retardam a ação dos radicais livres que agem na degeneração da célula envelhecendo-a.

Além disso, as toxinas de tudo de ingerimos a longo prazo depositam-se no intestino e muitas vezes precisam de uma ajudinha para serem eliminadas por completo, os antioxidantes também ajudam nisso. Mais do que isso, quanto mais substâncias são excretadas maior é a saúde do corpo como um todo porque quando melhor o funcionamento do organismo melhor funciona a imunidade.

O damasco tanto seco quanto em versão de fruta possui uma grande quantidade de fibras em sua composição. Essas fibras agem dentro do organismo trazendo maior saciedade, dessa maneira podem ajudar quem está de dieta pois isso reduz a quantidade de alimento que a pessoa consome durante as refeições.

O damasco é permitido na Low Carb?

Com todos os benefícios que essa fruta proporciona ele pode SIM ser inclusa na dieta, porém existem ressalvas. A primeira delas é que quando consumido deve ser feito com moderação. Isso porque a versão da fruta seca, por exemplo, possui mais calorias e níveis de carboidratos mas, nada que uma unidade por dia no lanche ou de sobremesa por exemplo serão significativos.

A casca dessa fruta é rica em betacaroteno que auxilia na saúde da pele protegendo contra raios solares naturalmente, além de manter a pele sempre bonita e radiante. A combinação formada por betacaroteno mais a vitamina A presente no damasco faz com que o sistema imunológico fique reforçado por mais tempo, ajudando a evitar gripes e resfriados desnecessários.

O potássio que está presente no damasco é muito importante para a manutenção dos músculos, agindo na sua recuperação fazendo com que tenham acesso a mais oxigênio e consigam melhores resultados nos próximos treinos, por exemplo.

Essa substância também age diretamente diminuindo os níveis de stress do corpo e combatendo a ansiedade. Isso faz com que haja uma regulação no fluxo de sangue bombeado, reduzindo os níveis de ansiedade e consequentemente possíveis doenças que acometem o coração pois está diretamente ligado ao fluxo de sangue bombeado no corpo como um todo.

O ferro é um mineral que também se apresenta no damasco e por isso pode ser facilmente incluso na dieta de quem procura se manter forte e com bons níveis de ferro no organismo.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *