Biomassa De Banana Verde é Low Carb ? Veja Se Pode Comer Esse Alimento Na Dieta

biomassa de banana verde é low carb

A biomassa de banana verde é um ingrediente muito importante para quem está com o intuito de perder peso. Um dos ingredientes mais famosos que ela possui é o chamado amido resistente. Essa preparação é feita com a banana ainda verde pelo fato de ela conter um ingrediente chamado “amido resistente”.

Conhecido por ser uma fibra muito importante e poderosa, esse amido não pode ser digerido pelo corpo e então serve de alimentos para as bactérias benéficas do intestino contribuindo para a saúde da microbiota intestinal.

Ele é feito a partir da polpa de bananas ainda verdes, e tem inúmeros benefícios para a saúde. O primeiro deles é que quando consumida, por causa da lentidão de sua absorção, aumenta a saciedade por levar horas para ser digerida. Durante esse processo a pessoa não sente necessidade de comer, nem beliscar. Um bom requisito pra quem busca comer menos.

Outro ponto positivo é que essa preparação é um excelente combustível para a saúde da microbiota intestinal. As bactérias benéficas presentes na flora intestinal são alimentadas com essa biomassa e isso traz uma melhora no trânsito intestinal. Cerca de 50% das células responsáveis pela nossa imunidade estão no estômago. Resumindo então, intestino funcionando corretamente, melhora da imunidade.

Uma microbiota intestinal saudável produz uma substância chamada citocina anti-inflamatória que faz com que os anticorpos trabalhem com mais eficiência. Quando está saudável a microbiota intestinal produz uma substância chamada butirato, um aminoácido de cadeia curta que faz com que os anticorpos fiquem mais fortes para atacarem invasores.  

A imunidade funcionando corretamente evita que se pegue doenças como gripes e resfriados, principalmente, mas também evita doenças mais graves pois o corpo que se mantém com níveis baixos de imunidade por muito tempo tem mais propensão a desenvolver células cancerígenas e outros inúmeros tipos de doenças.

Ela é geralmente indicada para que as pessoas que querem controlar glicemia, que são os níveis de açúcar no sangue, e com isso há uma diminuição no nível de gordura corporal também. O que acontece é que, os picos de insulina corpo liberam uma quantidade de açúcar a todos os órgãos e eles reagem de forma a produzir gordura no corpo.

Alimentos com poucas fibras ou feitos à base de muita gordura e farinha branca os chamados com alto índice glicêmico causam esses picos de insulina. É por isso que o simples fato de colocar mais fibras nas refeições, ou trocar o arroz e o pão branco pelo integral pode, muitas vezes ajudar a emagrecer.

Uma boa indicação para evitar picos de glicose além de incluir fibras como aveia, linhaça, chia, damasco, frutas secas entre outros é adicionar oleaginosas como: castanhas do para, amêndoas, amendoim. Elas ajudam com a digestão fazendo que sejam absorvidos lentamente pelo corpo.

A biomassa da banana verde tem esse como papel mais importante. Então, ela é mais uma na lista das “ajudas” que deve ser acrescentada na dieta.

Posso adicionar a biomassa de banana verde na Low Carb?

SIM! A banana é um alimento com grande quantidade de carboidratos e nas primeiras fazes da Low Carb ela é evitada justamente por isso. Então, agora que se sabe o quanto a biomassa pode ajudar o organismo como um todo é necessário saber quanto dela pode-se incluir diariamente para que não ocorra o efeito contrário.

O indicado é que ela seja utilizada uma colher de sopa nas receitas Low Carb. Seu gosto é menos característico e por isso, existem inúmeras receitas em que ela é inclusa e substitui ingredientes usados no cotidiano, por exemplo, estrogonofe de frango com biomassa de banana verde, brigadeiro com biomassa de banana verde, vitaminas, acrescentada no iogurte, com frutas.

Uma colher dessa preparação é o suficiente para que se usufrua dos benefícios diariamente, em uma colher de sopa são indicados mais ou menos 1,5 gramas de carboidratos e por isso, é indicado que se consuma com essa consciência pois, essa substância possui mais indicações de consumo do que o contrário.

Outra sugestão é incluir ela nas receitas Low Carb fazendo substituições inteligentes. Por se tratar de uma preparação não muito apetitosa as pessoas geralmente não comem ela por comer, mas, sempre que estiver fazendo a dieta Low Carb lembre-se que ela contém níveis consideráveis de carboidrato e por isso seu consumo deve ser restringido a uma ou duas colheres diárias no máximo.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *